banner_03
17_email
banner_01
mandela_01
MARKETING ESPORTIVO

O interesse no esporte moderno vem crescendo na medida em que este fenômeno ganha importância econômica, cultural e educacional, passando a ser uma nova área de marketing que atua dentro da “indústria do esporte”, movimentando bilhões em todo o mundo.

Considerando o esporte como um fenômeno multifacetado o Marketing Esportivo é uma ferramenta de trabalho que visa desenvolver o esporte, através da aplicação dos princípios de administração e marketing (planejar, organizar, dirigir e controlar) nas três manifestações esportivas básicas:

ok_01Formação

ok_01Participação

ok_01Performance

O marketing esportivo refere-se à aplicação específica dos princípios e processos do marketing a atletas, times, ligas, federações, eventos, e espetáculos, em fim. Segundo Edson Hirata e Luiz Alberto Pilatti, a modernidade, em especial a econômia, exerceu influências decisivas sobre o esporte contemporâneo, em especial sobre a forma de espetáculo esportivo. Três de seus traços elementares nos ajudam a dimensionar a estrutura e a potencialidade envolvida.


sport01

Suas competições são organizadas por ligas ou federações especializadas e os atletas envolvidos são submetidos a treinamentos intensivos que exige dedicação exclusiva e profissionais de alto nível envolvidos em sua preparação;

Por conseqência, a existência de relações mercantis no campo esportivo, como os atletas que são assalariados e os eventos esportivos, enquanto uma forma de entretenimento de massa, que são financiados pela comercialização do espetáculo (PRONI, 2002).

Suas competições são veiculadas pelos meios de comunicação de massa e apreciados por espectadores em seu tempo de lazer;

Basketball01
José Mário Orlandi01

MARKETING NO ESPORTE

Acontecimentos esportivos são excelentes ferramentas de visibilidade. Permitem a fixação de um nome, uma marca, logotipo ou logomarca, gerando um maior poder de retenção na mente, e consequentemente uma maior participação no mercado. O Marketing no Esporte favorece ações de investimentos, feitos tanto pela iniciativa privada quanto pública, visando retorno de imagem e de mercado, como conseqüência dos trabalhos de comunicação.
Dentre as formas mais comuns de marketing no esporte temos:

tv_Super-Bowl

ok_01PatrocÌnio ou apoio a equipes, eventos e/ou atletas;

ok_01Compra de espaço nas mÌdias que transmitem eventos (durante ou nos intervalos do evento);

ok_01Compra de espaços fÌsicos de exibição, comercialização ou exposição, nos locais de eventos;

ok_01Licenciamentos;

ok_01Franquias;

ok_01Promoção de venda.

line_01
Lei_Incentivo_esporte_02
logo_leideincentivofederal
Lei_Incentivo_esporte_03
Lei_Incentivo_esporte_05

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA E VEJA O VIDEO...

line_01

SEU PÚBLICO ALVO NÃO LIGA TANTO PARA A SUA MARCA QUANTO VOCÊ PENSA...

100-PercentPesquisas qualitativas tipo "focus group", análises segmentadas e promoções em mídias sociais apresentam uma porção de dados que nos levam a crer que nossos consumidores passam boa parte e seu tempo pensando em marcas e categorias de produtos. Partindo desse "falso princípio" acreditamos que basta convencer as pessoas de que somos melhores que a concorrência.

É DURO DE ENGOLIR, MAS SEU PÚBLICO-ALVO ESTÁ MAIS PREOCUPADO EM LEVAR A VIDA DO QUE EM AVALIAR SEUS DIFERENCIAIS.

Além do raciocínio lógico, nosso cérebro tende a usar a intuição, decidindo com base no que lhe parece correto. Por mais espantoso que possa parecer, é mais provável que, ao escolhermos uma companhia de seguros, nossa maior influência seja a imagem da marca, veiculada em um comercial do qual nos lembramos do que baseado em um ranking de eficiência e aprovação.grafico02
Não que você deva interromper o desenvolvimento de seus melhores e mais novos produtos, ou descuidar de seus diferenciais competitivos mas, isolados, estes pontos não venderão mais. Seus consumidores são guiados por decisões instantâneas e não pelas analíticas.

UMA MARCA NÃO DISPUTA APENAS A ATENÇÃO DO CONSUMIDOR DENTRO DE SUA CATEGORIA; ELA DISPUTA A ATENÇÃO DO CONSUMIDOR. PONTO.

Sendo socialmente relevante, sua marca pode acessar o consumidor tão ou mais facilmente do que provando ser melhor do que a concorrência. Sem dúvida, a maior vantagem competitiva de uma marca com um propósito consistente é permitir que a empresa intensifique seu relacionamento com as pessoas. Grandes marcas como Nike, Natura, Apple e Starbucks já foram empresas irrelevantes um dia. Cada uma, a seu modo, desenvolveu uma visão além da sua própria categoria.

MAS TORNAR-SE RELEVANTE EXIGE MAIS QUE UMA  VISÃO, EXIGE CORAGEM - SIGNIFICA CRAVAR UMA BANDEIRA NO CHÃO E POSICIONAR-SE
.

line_03
17_facebook_01 17-linkedin_01
17_twitter_01
17_youtube_01
17_banner_01
banner_03